RISC, Práticas em negócios

Veículos elétricos e a nossa mudança de hábitos

2016-08-15 11:56:52

A velocidade e volume de novas tecnologias às quais estamos sendo submetidos são exponenciais. Se, por um lado, isso é muito bom, em contrapartida nos exige uma constante mudança de hábitos. Um tema de grande relevância enfoca os veículos e seus combustíveis, e as novas tecnologias nesse sentido já são uma realidade: os veículos híbridos e elétricos já estão circulando entre nós. Embora sob uma visão futurista, também os veículos autônomos já circulam entre nós: o Google e uma empresa de transportes públicos na Suécia já se utilizam desse recurso.

Quem já foi à Inglaterra, notou que há sinalizações alertando os turistas para olharem do lado oposto ao atravessar as ruas, pois naquele país as mãos de direção são invertidas, se comparadas com a maioria dos demais países, o que nos faz pensar que, no caso de veículos elétricos e autônomos, também teremos que nos acostumar e, talvez, até contar com alterações na sinalização de trânsito. Sabe por quê?

Quantas vezes evitamos um acidente ou atropelamentos simplesmente por escutar a aproximação de um veículo? O contato visual é, obviamente, obrigatório, mas em algumas ocasiões utilizamos a audição como uma ajuda ao visual. Afinal, há mais de cem anos que os veículos fazem um ruído ao qual nos acostumamos e, no final, isso por vezes nos ajuda a perceber a aproximação de um deles. E agora, que esse ruído está desaparecendo? Resultado: perdemos aquela “ajuda” audível e poderemos ser surpreendidos por um silencioso veiculo elétrico.

Você já tinha pensado nisso?
Pois bem, então vá se acostumando, pois a era dos ruidosos motores de combustão interna está com seus dias contados e isso nos obrigará a mais uma mudança de hábitos e ajustes à nova tecnologia.

Gilson A Vicentini
Consultor RISC



Voltar